Vida de freela

Se o seu perfil é de autonomia, com liberdade de horários e poder de escolha de trabalho, provavelmente você já é freelancer ou gostaria de ser. E uma vez freelancer, o home office é o seu lugar – com direito ao uso de estruturas como coworking e cafeterias para dar uma variada.

Em matéria na revista TOP VIEW (jan/13), a repórter Juliana Reis (ela também é freela) destaca a vida do freelancer, com suas vantagens e desvantagens e dá dicas. Acompanhe:

Áreas de atuação
A tendência ganha força principalmente entre as profissões que se alimentam da criatividade, como designer, jornalista, publicitário, consultor e muitas outras. Hoje eles podem trabalhar fora das empresas e “freelando” para essas mesmas empresas se assim for possível.

Screen Shot 2013-02-05 at 11.01.04

Perfil
São pessoas que perceberam que a realidade do trabalho mudou e que a mesma sociedade responsável por moldar gerações de funcionários – por preferir contratá-los de forma tradicional -, agora quer visionários. Anseia por gente boa no que faz, não importando o grau de formação. Aceita potenciais empreendedores da própria carreira que não pretendem vender seu tempo para um único empregador.

Desafio
Conciliar visão, formação, disposição e sangue frio para lidar com a insegurança de uma carreira na qual nem sempre o serviço é garantido e sucessos e fracassos andam lado a lado.

TOP 3 para a felicidade de um freelancer
1. Boa relação salário X carga horária
2. Equilíbrio entre vida pessoal e trabalho
3. Horário de trabalho flexível e oportunidades de desenvolver habilidades

Top 3 que tiram o sono
1. Manter-se profissionalmente relevante
2. Cumprir prazos
3. Falta de direção clara (risco de perder foco da carreira)

Freelancer Camp, em Vancouver

Freelancer Camp, em Vancouver

Dentro da mente de um freelancer – estímulos primordiais para se tornar um freelancer

1. Flexibilidade
2. Liberdade
3. Demissão de empregos anteriores
4. Equilíbrio entre trabalho e vida
5. Mais oportunidades de trabalho
6. Não conseguir novo emprego
7. Mais dinheiro
8. Querer controlar a carreira
9. Cansado de trabalhar para um empregador
10. Menos estresse
11. Menor risco de ser demitido

Por fim, a matéria cita alguns sites que podem auxiliar o freela em sua empreitada:

www.carreirasolo.org
O site aborda a gestão da carreira e é vitrine de oportunidades e perfis.

www.facebook.com/FalaFreela
Dá dicas gerais. As piadas descontraídas sobre a vida de freela são uma ótima pausa no dia a dia.

www.gohome.com.br (yay!)
Dá dicas para trabalhar melhor em casa. (É isso mesmo!)

Espaços de trabalho compartilhado em Curitiba:
Aldeia Coworking www.aldeiaco.com.br
Hub Curitiba www.hub-curitiba.com

Quem quiser compartilhar mais dicas de freelas, por favor, pode aproveitar a área de comentários.
Sucesso aos freelas!

(Quer Aprender os Primeiros Passos Para Ganhar Dinheiro Sem Sair de Casa?
Clique no Banner Abaixo!)







Leave A Response

* Denotes Required Field