Home office pets

Rate this post

Trabalhar na companhia do bichinho de estimação é um dos grandes privilégios do home office. Porém, algumas coisas precisam ser levadas em consideração.

1. Se for receber um cliente em casa, lembre que muita gente tem medo de cachorro e alergia ao pelo do cão e do gato. O melhor é deixar o bichinho em outra sala, durante a reunião.

2. Tenha sempre na ponta do dedo o botão de “mute” do telefone. Quando o cãozinho desatar a latir, este botão permite que você continue ouvindo seu interlocutor enquanto resolve a questão com o canino, sem perder em profissionalismo.

3. O “papo sério” que você deve ter com a família antes de migrar seu trabalho para casa, também deve incluir o item “Novas regras para o Totó (ou Rex, ou Snoopy, ou Fluffy…)”. E todos devem colaborar para que o pet não desvie do comportamento combinado. Se o bichinho não colaborar, considere chamar um treinador.

Trabalhar com um colaborador canino ou felino traz ainda mais alegria para o home office. Além disso, os passeios com os pets são ótimos para dar uma pausa no trabalho e recarregar as baterias.

2 Comments

  • Dani Dalledone

    Reply Reply 4 de outubro de 2011

    Estou trabalhando em casa faz 3 meses, e no começo foi difícil convencer a Lis (york de 8 meses, ná época, 5) que eu não estava em cara para brincar com ela. Agora já “entende” e dorme ou brinca sozinha praticamente o dia inteiro. E ainda vem avisar na hora do passeio, se eu esqueço.
    É bom mesmo para esfriar a cabeça e descansar o olho do computador!

  • Marina

    Reply Reply 4 de outubro de 2011

    Que legal, Dani!
    Eu também aproveito os intervalos do trabalho para dar uma atenção para as nossas doguinhas (duas beagles). A gente volta para o trabalho com outro ânimo!
    😉

Leave A Response

* Denotes Required Field