A realidade de um pai em home office

Rate this post

Dennison de Oliveira é, de forma resumida (dentre tantos títulos), professor da História da UFPR (Universidade Federal do Paraná). Desde 1990 trabalha em casa. Hoje, pai de dois filhos, convive com outra rotina no home office e conta com exclusividade para o GoHome como lida com os desafios.

Acompanhe:

– Como funciona a sua rotina? Trabalha em casa quantas vezes por semana?

Diariamente. Independentemente de me deslocar até a Universidade para aulas, bancas ou orientações, todo dia é requerido que se complemente ou realize mais trabalho em casa.

– Como lida com a família no home office? Você tem esposa e filhos, certo?

No contexto anterior ao nascimento das crianças (Nicolas de dois anos, Laura de seis meses) o trabalho em casa era fácil de ser organizado. Agora, dada a miserável política de creches em Curitiba, isso virou um problema incontornável. Somos vizinhos de uma creche da prefeitura, mas não há vagas. O Nicolas vai para uma creche particular, mas a Laura que ainda está sendo amamentada, fica em casa. A produtividade caiu praticamente a zero – é extremamente difícil trabalhar com um bebê em casa.

– Quais são as maiores vantages e desafios de trabalhar em casa?

As vantagens dizem respeito à infra-estrutura adequada, otimizada e sempre em estado de eficiência. A desvantagem é o fator de perturbação que consistem as crianças pequenas. É necessário e urgente que o município disponibilize vagas em creche para todas crianças.

– E como faz para produzir no home office?

Tem que se conformar em só trabalhar quando a Laura não requer atenção alguma.
Esses horários noturnos, embora exaustivos, são os únicos viáveis. As melhores horas para trabalhar são aquelas entre o início do sono dela e a primeira acordada da noite. Eventuais insônias na madrugada depois disso também são úteis.

Screen Shot 2013-07-16 at 17.25.31

——

Resumindo, pessoal, a dica é: trabalhem quando a casa estiver em silêncio e não se desesperem! Essas fases passam. Dependendo do caso, dá para recorrer a ambientes externos, como coworkings, escritórios virtuais e até cafeterias e bibliotecas.

Compartilhe sua experiência com um bebê em casa. Conte-nos como ficou o trabalho em casa.

1 Comment

  • Andre Santos

    Reply Reply 17 de julho de 2013

    Sou pai em Home Office desde fevereiro desse de 2013 e desde maio agora com duas crianças, sendo uma de seis anos.
    Realmente nao eh facil gerenciar tudo isso mas qdo se tem uma esposa parceira isso facilita muito.
    Meu trabalho em casa ocorre 3 vezes por semana e 2 vezes me desloco para a empresa.
    Mesmo com as crianças em casa, dio sem medo de errar q meus dias sao mais produtivos no Home Office do que nos dias de empresa.
    Eh so aprender a trabalhar nessa modalidade.

Leave A Response

* Denotes Required Field